Bold criou 570 empregos, prevê faturar 19 milhões e é uma das melhores empresas para trabalhar

A tecnológica portuguesa BOLD comemora este mês de novembro oito anos de existência e faz um balanço do trabalho que desenvolve no setor das Tecnologias da Informação. Para dar a conhecer o mundo a BOLD produziu, entretanto, um vídeo. Destaca-se em 2017 no ranking do Financial Times como a única empresa portuguesa com maior percentagem de crescimento entre 2012 e 2015 e desde 2009 o grupo BOLD criou 570 novos postos de trabalho, e prevê terminar o ano com 19 milhões de euros de faturação, um crescimento de 26 por cento.
:
  

“Quando há oito anos idealizámos a BOLD, pensámos em dois pilares fundamentais que a sustentam e que são as pessoas e a tecnologia! Foi este o nosso ponto de partida para fazer nascer a BOLD e enquanto responsável pela empresa, quero que a minha equipa seja parte dela e se sinta feliz e realizada e possa também crescer, porque para nós faz todo o sentido que as pessoas conciliem profissionalismo e rigor com diversão e boa disposição. Há desafios novos, diariamente, mas o nosso espírito arrojado e destemido faz-nos desenvolver o sentido empreendedor e continuar, sempre! Com pessoas e com tecnologia”, afirma Bruno Mota, sócio-fundador da BOLD.

Em 2009 a empresa nasceu com duas pessoas e cresceu até às atuais 570, o número atual de colaboradores e com perspetivas de continuação de aposta e crescimento nos recursos humanos. A empresa foi criada por dois jovens engenheiros. Está presente, neste momento, em Aveiro, Lisboa, Porto e Brasil.

O ano de 2017 é também o ano da primeira participação da BOLD no evento tecnológico mundial do ano, que decorreu este mês em Lisboa, no qual esteve presente com um stand onde foi possível experienciar Realidade Virtual a partir de um jogo criado pela Collide. No Web Summit o ex-secretário de Estado da Indústria – João Vasconcelos, e o atual ministro da Economia – Manuel Caldeira Cabral visitaram a BOLD com o objetivo de conhecerem o trabalho português de inovação nas TIs.

Paralelamente a acompanhar o crescimento e o posicionamento da tecnológica, no final de outubro a BOLD surgiu na lista do ranking ‘Exame Melhores Empresas para Trabalhar’, em 13ª posição num total de 100.

Neste momento existem seis marcas e empresas, todos parte do grupo BOLD e cada um com especialização tecnológica própria. A CARBON cria soluções de mobilidade; a DIAMOND desenvolve estratégia digital; a NEOS cria infraestruturas e desenvolve a administração de sistemas; a TECHSENSYS atua na Internet of Things; a COLLIDE desenvolve videojogos e experiências narrativas interativas; e a OUTFIT é o mais recente centro de competência do Grupo especializado em tecnologia outsystems.

Mais nesta secção

Mais Lidas

:
Do valor da palavra