Partteam obrigada a aumentar instalações por causa do crescimento nacional e internacional

A Partteam, tecnológica com sede em Vila Nova de Famalicão, fabricante e líder no fabrico e comercialização de quiosques multimédia, mupis digitais, mesas interactivas para todo o tipo de sectores e indústria, viu-se obrigada a aumentar a sua capacidade de assemblagem e produção devido ao forte crescimento que tem observado. Presente em mercados como Reino Unido, Espanha, Arábia Saudita, França, Israel, Turquia, República Checa e outros, a Partteam é reconhecida internacionalmente e os resultados desta aposta internacional fizeram com que a empresa se tornasse aquilo que é hoje, uma empresa em crescimento e expansão.
:
  

Como e quando surgiu a empresa ?

A empresa portuguesa Partteam nasce no ano 2000 mas a sua história começa de facto três anos antes. Em 1997, o CEO Miguel Soares tendo terminado o curso de Engenharia Electrónica Industrial faz estágio numa empresa de telecomunicações. Na procura de um novo produto para essa empresa verifica que os sistemas de controlo de assiduidade começam a tornar-se um produto muito requisitado pelas empresas, nomeadamente a versão digital que naquela época começava a surgir. É então que encontra um fabricante Nacional desses produtos, líder de mercado, e consegue tornar-se revendedor destes produtos na empresa onde realizava o estágio. Os bons resultados obtidos nos meses seguintes levam à contratação do Miguel Soares por parte desta empresa. Após ter passado pelo departamento  técnico e pelo departamento comercial, tendo sido responsável pela abertura da delegação em Lisboa, Miguel Soares decide rescindir contrato com a empresa em questão e abrir a Partteam exactamente para comercializar os mesmos produtos.

Em início de 2000, Miguel Soares com outro sócio reparte as quotas de 2500 euros para criar a MSNF Lda (vulgo Partteam), dinheiro que foi angariado no período curto em que trabalhou ao serviço das empresas anteriores. Na altura foi também realizado um empréstimo para fazer face às despesas correntes. A realidade é que a decisão de comercializar os produtos de sistemas de assiduidade sai completamente errada e, num ano apenas, foram comercializados meia dúzia de sistemas. A necessidade de encontrar formas de fazer crescer o negócio faz Miguel Soares desenvolver um site para a Partteam (para apresentar produtos ligados à informática) o que origina inesperadamente uma "corrida" de amigos e conhecidos para que também a PARTTEAM desenvolvesse os sites das suas empresas. Miguel Soares vê-se obrigado a aprofundar de forma autodidata os seus webskills e durante vários anos o desenvolvimento web torna-se o negócio principal da empresa.

Em 2003/2004 a empresa Partteam já tinha alargado os serviços ao desenvolvimento de aplicações multimédia e é nessa altura que um pedido de um cliente faz surgir uma nova ideia de negócio e que se tornaria o core business da empresa até aos dias de hoje. Um cliente pediu um "equipamento com display interactivo" para que pudesse colocar na recepção da sua empresa o que fez Miguel Soares pesquisar por um produto desse tipo, ao que encontrou uma empresa internacional que vendia Quiosques Multimédia. Tornou-se de imediato revendedor dessa empresa até que passados apenas 10 meses surge a ideia da Partteam fabricar os próprios Quiosques Multimédia.

Quem é o mentor e que formação tem?

Por vezes, um visionário com uma grande ideia apenas precisa de dedicação e uma equipa fantástica para conquistar o mercado e o sucesso! O mentor de toda esta ideia de negócio chama-se Miguel Soares e actualmente, apresenta-se como CEO e fundador da empresa Partteam.

Antes de assumir o comando e gestão da empresa Partteam, Miguel Soares, foi universitário na Universidade do Minho. Formado em Engenharia Electrónica Industrial, após conclusão final do seu curso universitário, Miguel Soares, passou de estagiário a director de departamento técnico e consequentemente, a gestor de produto e técnico / comercial na mesma empresa em que trabalhou. Tendo sido depois o responsável pela criação de novos departamentos dedicados aos sistemas de controlo de assiduidado e acessos.

Em 2000 criou juntamente com outro sócio a empresa Partteam e desde aí que se tem vindo a dedicar ao projeto, tendo desenvolvido competências em diferentes àreas de actividade desde excelentes conhecimentos de quiosques multimédia, o que engloba o design do produto, processos de instalação, adaptação de componentes, etc. Até ao desenvolvimento de competências de gestão de empresas e técnicas de marketing adaptadas ao comércio B2B ( Business-to-Business).

Actualmente é CEO do grupo Partteam e também administrador dos recursos humanos, gestão de projetos e produção. Devido ao seu espírito empreendedor e trabalhador, Miguel não fica por aqui e é também membro da Anje (Associação Nacional Jovens Empresários), do Comité Consultivo do IPCA e da FAMAGROW (Famalicão Business Angels).

Recebeu vários prémios e reconhecimentos, destancado-se com o prémio “Português de valor” em 2011 e mais recentamente, em 2017, com o prémio “Herói PME” do concurso realizado pela SIC Notícias e a Yunit Consulting.

Qual a principal missão empresarial da Partteam?

A missão da empresa Partteam é o desenvolvimento de produtos e serviços, orientados para os consumidores e visando contribuir para a criação de inovação tecnológica e industrial, com o objectivo de criar ferramentas tecnológicas que facilitem e agilizem as tarefas de qualquer individuo, adoptando e valorizando práticas de responsabilidade social para a concretização dos objectivos. A empresa portuguesa Partteam é uma referência mundial no desenvolvimento e fabricação de quiosques multimédia, equipamentos self-service, mupis digitais, mesas interactivas e outras soluções digitais para todo o tipo de sectores e indústrias. Com mais de 17 anos de experiência, mais de 10 mil unidades produzidas, para mais de 50 países diferentes, o portfólio é vasto. A empresa famalicense Partteam, tem mais de 100 modelos standard e trabalha com as melhores marcas e empresas. É por esse motivo que a Partteam apresenta-se como uma empresa tecnológica inovadora e capaz de responder a todas as necessidades do mercado, desenvolvendo produtos e soluções à medida de cada cliente, empresa, parceiro ou distribuidor.

Porque o nome Partteam para a empresa ?

A ideia do nome Partteam surgiu quando o CEO Miguel Soares, ainda estava ao serviço de outra empresa e juntamente com o ex-sócio começaram a idealizar a empresa. Como na realidade esta ideia começou a ser pensada em "PART TIME" e por uma equipa "TEAM" de duas pessoas, Miguel Soares juntou estes dois termos e daí surgiu o nome PARTTEAM.

Até ao momento quantos postos de trabalho já criou?

Já foram criados até ao momento mais de 30 postos de trabalho. O crescimento da empresa Partteam é notório e estamos muito orgulhosos por termos alcançado estes resultados e queremos com isto, conquistar ainda mais o mercado.

O crescimento acentuado da empresa levou-a a ampliar as instalações. Com isto quantos funcionários precisa a Partteam admitir?

A Partteam, tecnológica com sede em Vila Nova de Famalicão, fabricante e líder no fabrico e comercialização de quiosques multimédia, mupis digitais,mesas interactivas para todo o tipo de sectores e indústria, viu-se obrigada a aumentar a sua capacidade de assemblagem e produção devido ao forte crescimento que tem observado. É constante a procura por novos colaboradores, visto que continuamos em crescimento.

Esses novos trabalhadores já foram admitidos? Vão ser?

A empresa Partteam tem passado por um período de novas contratações desde que começou a registar um crescente desenvolvimento e um aumento do número de projetos. Queremos continuar a desenvolver a nossa capacidade de resposta aos diferentes projetos dos nossos clientes, parceiros e distribuidores. Por isso, foi necessário preencher os nossos diferentes departamentos com mais colaboradores, aptos para dar resposta às crescentes necessidades da empresa.

Famalicão foi considerado recentemente líder no Ave em empresas de base tecnológica. A Partteam integra-se nesta categoria. Para que tal aconteça, que apoio têm recebido da autarquia?

Vila Nova de Famalicão tem fortes potencialidades de se distinguir das demais regiões portuguesas, por possuir uma identidade própria, presente nos domínios científico, tecnológico e económico. A Partteam tem como sua missão, também tornar a região mais inovadora e competitiva, quer a nível nacional quer a nível internacional, utilizando, para isso, uma estratégia de disseminação correta das caraterísticas e potencial que a região oferece. É nosso propósito honrar o legado e reforçar a identidade de Vila Nova de Famalicão como município histórico e tecnológico.

Estamos certos de que a Partteam se orgulha do trabalho que, todos juntos, temos desenvolvido, em prol do concelho de V.N. Famalicão. Podemos afirmar que a Partteam está envolvida no crescimento económico e sustentável de Vila Nova de Famalicão. A iniciativa Famalicão Made IN é uma das grandes apostas do Município de Vila Nova de Famalicão para promover o desenvolvimento económico do concelho e é um gabinete que tem proporcionado ajuda à Partteam em situações pontuais, como processos de incentivos, visibilidade, etc.

Este ano, a Partteam foi uma das premiadas pelo Município de Vila Nova de Famalicão, na categoria “Famalicão Madein – Boas Práticas”, através do projecto NOMYU.

Desde a fundação da empresa o que tem vindo a mudar?

A Partteam ao longo dos anos tem vindo a adaptar-se a um mercado cada vez mais competitivo. A evolução da tecnologia no quotidiano das pessoas tornou os clientes mais exigentes. O processo de internacionalização foi algo que transformou a empresa Partteam. Inicialmente, comercializávamos os nossos quiosques multimédia para o mercado nacional e posteriormente, começamos a distribuir para o mercado internacional. Este processo de internacionalização e que hoje é tão importante para a empresa, aconteceu devido ao interesse internacional nos nossos produtos e serviços tecnológicos, fabricados com qualidade. Acreditamos que tudo isto se deu, pelo desenvolvimento tecnológico e dos processos internacionais e globais que o mundo tem assistido nos últimos tempos. Além de que, vivemos na era digital. A perspectiva da gestão da inovação nesta altura, leva-nos a entender traços da essência do povo português. Foi preciso ser uma nação com foco na melhoria contínua, ter uma missão, uma visão de longo prazo, ser organizada, sistemática e exploradora. Aliada a esta essência e segundo factos históricos, a inovação dos descobrimentos foi o ponto de partida, para a conquista e exploração do Mundo. Sábios na gestão, reutilização e transformação do conhecimento existente nas técnicas de navegação e construção naval, a nação Portuguesa foi pioneira a iniciar o processo de Globalização. Com uma estratégia e um objectivo bem definido, Portugal conseguiu navegar e descobrir “terras de além-mar”. Assim como os descobridores / navegadores portugueses exploraram o mundo, a Partteam sentiu a necessidade de fazer o mesmo. A qualidade, o compromisso, o profissionalismo, a exigência, a eficácia. Estes são alguns dos adjectivos que descrevem a essência do grupo português Partteam, que orgulha-se de continuar o fabrico em Portugal de quiosques interactivos e mupis digitais, para interior e exterior.

Que formação têm os colaboradores Partteam?

Os colaboradores da empresa Partteam partilham o mesmo foco e essência que se resume no espírito da Partteam. Podemos referir que temos um leque variado nas suas formações, desde engenheiros, licenciados e técnicos, nas diferentes àreas de atividade como design de produto, design gráfico, marketing e publicidade, web, software, comércio e vendas, gestão, técnicos de assemblagem e produção, etc. Mas existem outras qualidades que valorizamos como a resiliência, sinceridade, espírito amigável, criatividade e confiança. Este é o “espírito da Partteam”, colaboradores que mesmo pertencendo a diferentes departamentos, todos os dias se juntam para debater e proporcionar as melhores soluções para clientes e projetos.

Como líder de um conjunto de pessoas diferentes, o que é necessário para que a equipa funcione como tal?

O trabalho em equipa nem sempre é fácil, porque os colaboradores são diferentes como pessoas. Existem pessoas que têm menos à vontade para expor ideias e outras que por serem mais extrovertidas, têm certa dificuldade em manter o foco. Por isso, liderar uma equipa é dificil devido aos diferentes comportamentos e temperamentos das pessoas.

É essencial identificar os perfis de cada colaborador e perceber no que realmente eles se destacam e consoante isso, trabalhar com eles nos pontos fortes e fracos de cada um.

Existe algo essencial e que faz parte da política da empresa Partteam e que sinceramente, é algo extremamente necessário para manter uma equipa unida e isso chama-se respeito e diálogo. A partir do momento em que uma equipa de trabalho se respeita e debate sobre os projectos ou qualquer outro assunto, independentemente das funções e cargos, é meio caminho andado para que tudo funcione.

E, por último, mas menos importante, ferramentas de organização e produtividade que devem ser implementadas dentro das equipas, neste caso, nos departamentos de trabalho da Partteam para ajudar no desenvolvimento do fluxo de trabalho entre os colaboradores.

Qual o trabalho que até hoje deu mais gozo à Partteam realizar? Para quem gostava de realizar um trabalho? 13 - Ainda se lembra para quem foi e em que consistia o primeiro trabalho?

Um dos primeiros trabalhos no sector dos quiosques multimédia foi realizado para o IEFP e ainda continua a ser até hoje uma dos projectos mais bem organizados em termos logísticos e operacionais por parte da nossa empresa. Naquela altura (em 2003 / 2004), apenas com quatro colaboradores na empresa não tínhamos ainda produção própria dos equipamentos o que obrigou a organizar duas equipas de dois elementos, sendo que uma dela efectuou a recolha dos equipamentos no fabricante internacional e foi percorrendo as diversas delegações do IEFP na zona de Lisboa entregando os quiosques multimédia, e uma segunda equipa de dois colaboradores (incluindo o CEO Miguel Soares) chegava ao local onde cada equipamento tinha sido deixado para efectuar a instalação de vários componentes electrónicos nos quiosques multimédia, conseguindo desta forma cumprir um prazo muito apertado de implementação que tinha sido na altura exigido pelo IEFP.

De que forma é feita a divulgação da empresa e da atividade?

A empresa Partteam comunica em diferentes meios de comunicação, contudo a aposta neste momento está mais direccionada para o meio digital. Comunicamos através da imprensa (press-releases, revistas, jornais,etc), social media ( facebook, linkedin, twitter, google+, pinterest, instagram,etc.), websites ( partteam – site português, oemkiosks – site internacional, nomyu – produto premium, qmagine – site dos sistemas de gestão de filas, blog), anúncios google, feiras/eventos nacionais e internacionais.

A empresa já está internacionalizada. Para onde vai o material Partteam?

A Partteam é uma referência de sucesso a nível internacional. Desde 2004/ 2005 que iniciou a sua expansão pelo mundo. Obtendo um maior destaque na Europa, América e Médio Oriente: Angola, Espanha, Itália, Grécia, Noruega, Holanda, França, Roménia, Chipre, Dubai, são apenas alguns dos países que se tornaram mercados importantes para a empresa na área dos quiosques multimédia. Os resultados estão à vista, reconhecimento internacional e instalação de quiosques multimédia da Partteam em diferentes localidades e países, destaques na imprensa, personalizações feitas à medida e um variado leque de projectos que muito nos orgulhamos de ter realizado para marcas e empresas reconhecidas internacionalmente.

A Partteam vai conquistar mais mercados? Quais?

Partteam tem uma estratégia bem definida de desenvolvimento e crescimento a nível nacional e internacional e pretende com isto conquistar ainda mais mercados. Recentemente, o mupi digital NOMYU, foi reconhecido internacionalmente com o prémio Quiosque mais inovador do mundo 2017, no sector turístico, feito este que reflecte o trabalho e a excelência que tem vindo a ser desenvolvida todos os dias na Partteam. Este e outros destaques fazem com que a empresa Partteam se torne mais reconhecida no mercado internacional e assim, através desta notoriedade e trabalho consiga alcançar novos mercados.

Quais os planos traçados para a Partteam para os próximos tempos?

Queremos melhorar continuamente o nosso desempenho na gestão da qualidade, através do estabelecimento e revisão de objectivos e metas que visam a optimização dos processos, promovendo a comunicação com as partes interessadas, em particular com clientes, colaboradores, parceiros e fornecedores. Como empresa que produz equipamentos à medida dos projectos, temos como prioridade identificar as necessidades e requisitos dos nossos clientes, de modo a planear e prestar serviços que satisfaçam e, se possível, excedam sempre as suas expectativas. A Partteam pretende assim, crescer, através da sua tecnologia, reconhecimento e inovação, tornando o futuro mais tecnológico e funcional através dos seus equipamentos e soluções.

Mais nesta secção

Mais Lidas

:
Do valor da palavra