PAVNEXT soma prémios. Agora foi o do World Smart City Awards

O projeto PAVNEXT- Pavement Energy Efficient Extractor, um pavimento que permite a redução do número de acidentes e da sua gravidade e que produz energia pela passagem dos veículos, acaba de ser distinguido no World Smart City Awards 2017, tendo ficado nos três primeiros lugares na categoria Innovative Ideas, que decorreu em Barcelona, Espanha. É já o sexto prémio conquistado por Francisco Duarte, aluno do Programa Doutoral em Sistemas de Transportes da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) e autor do projeto.
:
  

Para o jovem investigador, este prémio "é um reconhecimento internacional muito importante para o projeto PAVNEXT, naquela que é considerada a maior competição mundial na área das Smart Cities".

Anteriormente, o projeto PAVNEXT venceu a primeira edição do Prémio Inovação Segurança Rodoviária (10 mil euros); Big Smart Cities Coimbra 2017 (500 euros); competição nacional do ClimateLaunchpad; Big Smart Cities Portugal 2017 (10 mil euros); “Urban Transitions” na final europeia do ClimateLaunchpad 2017 (cinco mil euros).

Francisco Duarte está a finalizar a sua tese de doutoramento, orientada pelo Professor Adelino Ferreira, do Departamento de Engenharia Civil da Universidade de Coimbra.

É também membro da equipa de investigação do projeto PAVENERGY – Pavement Energy Harvest Solutions, coordenado por Adelino Ferreira e cofinanciado pelo FEDER através do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020) e por fundos nacionais através da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT).

Mais nesta secção

Mais Lidas

:
Do valor da palavra